Associação Gaita-de-Foles A.P.E.D.G.F. APEDGF
Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita-de-foles - Portuguese Bagpipe Society .'.
gaita - bagpipe - cornemuse - zampogna - dudelsack - bock - gaida - phìob - biniou - mezoued -zucra - duda - pipe - sackpipa
  Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola | Comprar | Orquestra de Foles Documentos  | Contactos

« Principal « Notícias « Centro Sons da Terra
.



Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)

Comunicado do Centro Sons da Terra

"O CENTRO DE MÚSICA TRADICIONAL SONS DA TERRA VAI CONTINUAR

Plano de apoio editorial acordado com a Câmara Municipal de Miranda do Douro garante a continuidade do Centro de Música Tradicional Sons da Terra.

A existência activa e interventiva, em termos de desenvolvimento de trabalho cultural, do Centro de Música Tradicional Sons da Terra, sediado em Sendim, foi seriamente posta em causa pelo Ministério da Cultura/Instituto das Artes (anulação dos resultados do concurso de apoio a projectos pontuais na área da música na região do Norte, depois de assinado o respectivo protocolo financeiro e de cumprido o plano editorial proposto, com a consequente acumulação de dívidas a fornecedores e prestadores de serviços no montante de € 10 000,00).

Tratava-se de um apoio financeiro que todos os anos (desde 1999) tem vindo a ser solicitado e concedido (com montantes reduzidos e variáveis, estritamente necessários para completar o financiamento dos planos editoriais propostos) ao abrigo dos concursos de apoio a projectos pontuais, indispensável para o equilíbrio económico do projecto editorial global do Centro (numa base de igualdade entre custos e proveitos e sem objectivos lucrativos). Acresce que o recurso a apoios por parte do Ministério da Cultura se fica a dever ao facto de o Centro de Música Tradicional Sons da Terra não conseguir obter, da parte das autarquias envolvidas nas edições de recolhas musicais da tradição oral, os fundos necessários para a viabilização económica do respectivo plano editorial (quer por manifesta falta de meios por parte de algumas quer por evidente falta de interesse por outras).

Na sequência das notícias publicadas na imprensa regional transmontana, assistimos a uma vaga de apoio e de solidariedade (proveniente quer do país quer do estrangeiro) ao Centro de Música Tradicional Sons da Terra que muito nos sensibilizou e que culminou com o envio de numerosas mensagens para diversas entidades oficiais (Ministério da Cultura, Instituto das Artes, Delegação Regional da Cultura do Norte e Câmara Municipal de Miranda do Douro, entre outras) e com o lançamento de uma Petição no site www.gaitadefoles.net

Foi uma acção muito concreta e poderosa que acabou por ser absolutamente decisiva para que acabassem por se criar as condições mínimas necessárias, em termos de sensibilização pública, para a necessidade de se procurar soluções no sentido de ser garantida a continuidade do Centro. Não da parte do Ministério da Cultura, do Instituto das Artes ou da Delegação Regional da Cultura do Norte, mas da parte da Câmara Municipal de Miranda do Douro, que acabou por reconhecer que a importância do trabalho desenvolvido pelo Centro de Música Tradicional Sons da Terra tinha vindo a ser subavaliada e que era necessário avançar com formas de apoio sustentado mais eficazes ao seu plano editorial. 

Assim, em princípios de Março de 2005, foram pela Câmara Municipal de Miranda do Douro garantidas as condições mínimas para a continuidade do Centro de Música Tradicional Sons da Terra, facto que muito nos apraz registar. Por conseguinte, e apesar de não se saber se vai ser ou não paga a verba que é devida pelo Ministério da Cultura, encontra-se assegurada a permanência activa do Centro de Música Tradicional Sons da Terra, em Sendim: recolhas musicais da tradição oral e respectiva publicação, realização do Festival Intercéltico de Sendim, Arribas Folk, encontros de gaiteiros, apoios à investigação e disponibilização do vasto espólio do Centro, que pode ser visitado durante as tardes de segunda a sábado…

Na impossibilidade de o fazermos individualmente, agradecemos todos os que através da petição lançada pela Associação Gaita de Foles (para quem vai a nossa mais profunda gratidão) manifestaram o seu apoio e solidariedade: o nosso para sempre penhorado MUITO OBRIGADO! Temos voz e fizemo-nos ouvir: valeu a pena, incomodou, denunciou, sensibilizou e pressionou a obtenção de soluções!

O Centro de Música Tradicional Sons da Terra continua graças a todos vós! E queremos ver-vos e abraçar-vos nestas terras de encantamento (o tal Reino Maravilhoso que tanto emocionou Miguel Torga!...), pelo menos em 5,6 e 7 de Agosto de 20005, no 6º Festival Intercéltico de Sendim. E quem por cá passar noutra altura do ano está convidado para entrar no “Palhetas” (o bar do Centro) e beber um copo e, se ainda houver, o tão famoso como mágico licor celta!

OBRIGADO!

Mário Correia
Director do Centro de Música Tradicional Sons da Terra
Sendim, 2 de Março de 2005"



 


Início | Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola de Gaitas |
Comprar | Orquestra de Foles | Documentos | Equipa | English  | Links | Contactos
Powered by RRMerlin

Associação Gaita de Foles - direitos reservados