Associação Gaita-de-Foles A.P.E.D.G.F. APEDGF
Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita-de-foles - Portuguese Bagpipe Society .'.
gaita - bagpipe - cornemuse - zampogna - dudelsack - bock - gaida - phìob - biniou - mezoued -zucra - duda - pipe - sackpipa
  Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola | Comprar | Orquestra de Foles Documentos  | Contactos

 
 
     
     
 

 

Pré-inscrição em linha »

Espaco.gif (821 bytes)

Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)


Oficinas
> Dança


Foto: Matias

Local: Casa Oficinas da Comunicação
Horário: de 1 a 4 de Maio, das 14:00 às 18:00


Repertórios ensinados
Danças tradicionais e populares portuguesas, com aprendizagem e comparação com danças tradicionais de outros locais (Cabo Verde, Brasil, Galiza, etc.) e repertórios relacionados com os instrumentos das oficinas.

Objectivos
A oficina de Dança desta edição visa recuperar a vivência dos géneros musicais e dos repertórios ensinados nas oficinas de instrumentos, através da dança. Em muitos casos, essa era a primeira função dos instrumentos e das músicas dos Tocadores: proporcionar o Baile, o espaço comum de convívio, interacção e festa das comunidades.

Não é possível aprender as músicas dos Tocadores sem compreender a Dança a que se destinam, nem é possível entender a Dança sem a Música.
Na realidade, o acto de dançar é, em si mesmo, um acto musical: usa-se o corpo, o gesto, o movimento, como se usa um instrumento e em interacção com os sons que se escutam. Também os tocadores recriam, reinventam e moldam os seus sons através da dança, observando os gestos dos bailadores e o crescer do entusiasmo na pista ou no terreiro.

No caso dos repertórios "tradicionais", pertencentes a práticas musicais em declínio, é comum observar a degradação das estruturas musicais, por desconhecimento dos contextos em que eram tocados, porque os tocadores desconhecem a coreografia associada à música, a sua razão de ser, porque se tocava de um modo e não de outro.
Por isso mesmo, a oficina de Dança pretende estudar os repertórios das oficinas, levar os bailadores a interagir com os músicos e vice-versa.
Para que todos aprendam com todos.

Monitora: Rita Duarte
Rita Duarte interessou-se pelas danças tradicionais a partir de 1995 e iniciou a sua actividade como monitora deste tipo de danças desde 2005. Faz parte dos grupos Dançarilhos (dança tradicional) desde 2003 e AlfaArroba (música tradicional, enquanto monitora de dança) desde 2006, com os quais fez diversas apresentações e animações. A frequentar a Licenciatura em Dança pela Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa, fez diversos registos de danças portuguesas e actualmente é professora de baile galego no Centro Galego de Lisboa.





 


Início | Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola de Gaitas |
Comprar | Orquestra de Foles | Documentos | Equipa | English  | Links | Contactos
Powered by RRMerlin

Associação Gaita de Foles - direitos reservados